Psicografia de Célio José Pereira (2002)

Meu amado filho Humberto José, que feliz me encontro de poder presenciar você nesta casa do senhor. Esta, meu filho todos que precisam de conforto e de amparo são recebidos de braços abertos.

Aqui e o caminho do bem, procure agradecer por estar aqui nesta doutrina de Jesus. A saudade querido faz parte de nossas vidas, e saiba que nunca o deixei, sempre procurei dar-lhes conselhos como um guia, e em espíritos sempre nos encontramos.

Por todos esses anos de desencarne você ainda sente muito a minha falta, mas tenha certeza filho, estou sempre com você, não fique tão ansioso, tudo na vida tem sua hora e hoje como um presente estou aqui para dar-lhes noticias minhas a você e a sua mãe Márcia, cuide bem dela, ame-a em dobro para serem mais felizes e eu também ficarei, procure dar um pouco de seu tempo no trabalho aos irmãos que precisam de você, frequente as reuniões de jovens e o mais importante a pratica da leitura no lar.

A união é muito importante, diga a Marcia Aparecida que sinto saudades dela também e que como mãe esta cumprindo o seu dever de mãe perfeitamente e que Deus não os desampare.

Agora preciso ir, sinto faltar as forças porque a emoção bate forte em meu coração, que Jesus o abençoe a todos você meus amados.

Célio José Pereira

28/11/2002

Dirce Psicografa

Centro Bezerra de Menezes

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*